Caso Ildônio: Autor da frase "Só dei um tiro no cachorro" está preso; Polícia procura outros sete - Icém Caraúbas Caso Ildônio: Autor da frase "Só dei um tiro no cachorro" está preso; Polícia procura outros sete - Icém Caraúbas
" });
  • ULTIMAS

    Caso Ildônio: Autor da frase "Só dei um tiro no cachorro" está preso; Polícia procura outros sete

    ICÉM CARAÚBAS | GIDEL DE MORAIS | 27 DE AGOSTO DE 2018 -07:59HS

    Aleilson Melquiades de Oliveira, de 18 anos

    A Polícia divulgou nomes e fotos dos assaltantes procurados por participação no assalto ao ônibus escolar que terminou com o assassinato brutal do policial militar Ildônio José da Silva, de 43 anos, no dia 16 deste mês, na RN 117, entre Caraúbas e Governador Dix Sept Rosado.
    O MOSSORO HOJE teve acesso a informação de primeira mão de que o autor da frase "Só dei um tiro no cachorro" foi o assaltante e assassino Aleilson Melquiades de Oliveira, de 18 anos, que foi preso no mesmo dia (17 de agosto) que escreveu esta mensagem para a irmã e a mãe, em Caraúbas.

    O outro tiro para matar o policial teria sido disparado por Wantuir Lima, que recebeu as informações da universitária Grécia Teodora Gurgel de Medeiros, de 21 anos (já foi presa também), sobre a presença do policial Ildônio José da Silva no ônibus universitário. Wantuir está sendo procurado.

    A informação foi confirmada pelo delegado Cristiano Othon, que comanda as investigações. O delegado confirmou também os apelidos e fotos dos procurados, que a Associação de Praças da Policia Militar de Mossoró e região estão oferecendo recompensa de R$ 3 mil por informações.

    Veja quem já foi preso até agora.

    1. Aleilson Melquiades de Oliveira, 18 anos,
    2. Luiz Felipe de Lima, 18 anos,
    3. Nelson Gomes Fonseca
    4. Kleison Yuri da Silva, Kleison Yuri
    5. Grécia Teodora Gurgel de Medeiros, de 21 anos
    6. Adolescente apreendido entregue as autoridades
    7. Talyson Dantas da Silva, de 22 anos
    8. Letícia Hellen Gouveia dos Santos, de 21 anos
    9. Adolescente apreendido entregue as autoridades
    10. Antônio Moab Pimenta Medeiros, de 27 anos
    11. Aysla Melquíades Oliveira, 23 anos
    12. Rosilene Araújo de Oliveira, 55 anos

    Dos 11 presos e 1 conduzido, apenas dois participaram diretamente do assalto e o assassinato do policial Ildônio: Aleilson Melquiades de Oliveira, de 18 anos (autor do disparo de doze na cabeça de Ildônio), e Luiz Felipe de Lima, de 18 anos, que foram presos tentando fugir para Natal.

    Os dois são considerados perigosos. Já respondem por homicidios e assaltos.

    Com os presos, os policiais chegaram ao nome do autor do tiro de espingarda calibre 12 que matou o policial Ildônio: Aleilson Melquiades. A Policia não tem dúvidas, até porque o próprio Aleison Melquiades escreveu, em conversa com a irmã Aysla Melquiades: "Só dei um tiro no cachorro". 

    Este diálogo ocorreu um dia apos o crime quando o assassino se preparava para fugir para Natal e terminou preso pela Polícia Rodoviária Federal perto de Campo Grande. Além de Aysla Melquíades, a Justiça também determinou a prisão de Rosline Araujo, mãe dos dois, por assaciação criminosa.

    O crime
    Dentro do ônibus, duas universitárias tiveram participação direta e indireta com o assalto seguido de morte que chocou o Oeste do Rio Grande do Norte: Grécia Teodora Gurgel de Medeiros, de 21 anos, avisou ao namorado e assaltante Wantuir Lima os detalhes do policial Ildônio.

    A universitária Letícia Hellen Gouveia dos Santos, de 21 anos, após a ocorrência, segundo a polícia, também teria ajudado a quadrilha e também terminou com a prisão preventiva decretada. Para o delegado Cristiano Othon, os membros da quadrilha estão identificados.

    Já os comandantes da Força Tarefa da PM empenhados voluntariamente para prender o bando, pediram, através de comunicado, que a população não ajude aos assaltantes, ou vai terminar com prisão decretada por associação ao bando criminoso, como já ocorreu com outras 10 pessoas.

    MOSSORÓ HOJE




    Conveniência Imperial: Venha conhecer a melhor loja de Conveniência de Caraúbas e região, agora com pagamentos de boletos bancários


    Hoje, não dá pra ter um posto de combustível sem agregar serviços como loja de conveniência, e o Posto Imperial tem uma das mais conceituadas lojas de conveniência, trata-se da loja Conveniência Imperial.

    Com um excelente atendimento e a qualquer hora do dia, sempre que você visitar a loja terá a oportunidade de saborear deliciosas opções de lanches, bebidas, cereais, cafés, pães, sobremesas e muito mais. Além disso, nossos clientes poderá realizar as recargas para o seu celular de qualquer operadora.

    Lembrando que agora, a loja Conveniência Imperial está recebendo boletos de água, luz, telefone, título bancários, você não precisa mais pegar aquelas imensas filas para pagar o seu boleto bancário. 

    A loja Conveniência Imperial fica localizada na RN 117, em Caraúbas

    Org. Francisco José e Otaciana





    Acompanhe nossas novidades também no Facebook. Clique para curtir nossa fan Page

    • Blogger Comments
    • Facebook Comments

    0 ► Envie seu comentário:

    Item Reviewed: Caso Ildônio: Autor da frase "Só dei um tiro no cachorro" está preso; Polícia procura outros sete Rating: 5 Reviewed By: Gidel de Morais

    Seguidores

    Scroll to Top